roteiro de arte urbana

“Diorama Cork Factory” - Vhils

Escultura em grande formato baseada na série Diorama, cuja escala preenche o espaço de uma antiga fábrica ligada à indústria corticeira. O seu recorte intrincado expressa a relação de proximidade entre ser humano e o meio onde trabalha - uma complexa teia de influência recíproca que dá forma e substância à relação entre ambos. Produzida em cortiça, a peça explora a justaposição entre a entidade social e cultural do indivíduo e o meio industrial onde exerce a sua atividade, refletindo também sobre o papel da indústria na economia e a falta de investimento que o sector secundário tem sofrido em Portugal nas últimas décadas.   

Praça Dr. Gaspar Moreira - Santa Maria da Feira

N 40º 55’ 31.76357’’; W -8º 32’ 32.92679’’

 

“Cortiça” - Lidia Cao

Lidia Cao, jovem artista galega levou 9 dias para cobrir os 190,0m² da fachada do Empreendimento Habitacional do Balteiro com uma homenagem à força e energia laboral feminina no setor corticeiro.

Rua Ribeiras do Cáster (Empreendimento Habitacional Balteiro) - Santa Maria da Feira

N 40º 55’ 04.12103’’; W -8º 33’ 28.77688’’

 

“De vizinhos para vizinhos” - Omar Néstor Gasparini

Da autoria de Omar Néstor Gasparini, artista de nacionalidade Argentina, é uma obra integrante da edição de 2013 do Imaginarius – Festival Internacional de Teatro de Rua e resulta do projeto de teatro “de vizinhos para vizinhos”, sob a direção da artista Edith Scher com a comunidade de Lobão, Guisande, Gião e Louredo

Centro de Incentivo Cultural de Lobão - Rua Heróis de Ultramar – Lobão

N 40º 59’ 06.87750’’; W -8º 29’ 12.43149’’

 

“Impressionismo no Limite” - Tadeu Silva

“Impressionismo no Limite” é um projeto apesentado por Tadeu Silva, artista natural de Fiães, e assenta na ideia de ilusão ótica, uma tentativa de levar o estilo ao limite da simplicidade.

Esta obra é possível de visitar no Empreendimento Habitacional Xanana Gusmão em Lourosa.

Praceta Xanana Gusmão (Empreendimento Habitacional Xanana Gusmão) – Lourosa

N 40º 59’ 16.43670’’, W-8º 33’ 23.26420

 

“Mural Cincork” – Pedro Santos e Tadeu Silva

Com uma área aproximada de 280 m2, cobrindo toda a fachada da Cincork, é um dos maiores murais existente no Norte de Portugal e segundo os próprios autores teve como ponto de partida “elementos naturais, associados à indústria corticeira” e como referência “ o Alentejo, enquanto principal região de montados de sobro e a sua paisagem, onde as cores quentes são dominantes.

R. Alto do Picão 180 (Nave oficinal da Cincork) – Santa Maria de Lamas

N 40º 58’ 18.11075’’; W -8º 33’ 43.63525’’

 

“Alegorias do Parque” – Tropic

No âmbito da terceira edição do Festival de Música Urbana BASQUEIRAL, a Companhia Persona, enquanto Curadora da ramificação artística do festival, o BASQUEIRART, desafiou o artista concelhio Tropic a idealizar uma intervenção num Mural de grandes dimensões, recuperando-se um espaço degradado, localizado junto a uma das entradas principais dos Jardins do Parque de Santa Maria de Lamas.

O conceito comunitário em que a população local, sob a direção do Artista, é convidada a comparecer e a pincelar com as suas próprias mãos o Mural, foi acolhida de imediato pela organização, a Basqueiro – Associação Cultural, tendo-se decidido avançar para uma obra a dezenas ou mesmo centenas de mãos que permanecerá temporalmente no espaço e na memória de todos que participaram na sua execução.

A Obra, com uma interpretação gráfica e geométrica muito particular do Artista, é unida por uma paleta cromática em toda a sua extensão, homenageando o Benemérito Henrique Amorim, ao destacar várias referências de um dos seus maiores legados, o Parque e o Museu de Santa Maria de Lamas

Rua dos Murtórios – Santa Maria de Lamas

N 40º 58’ 40.29980’’; W -8º 34’ 10.43386’’

 

“Sonho” - Mário Belém

O artista Mário Belém, num conjunto de murais pintados por todo o país pretende “retratar e homenagear os

sonhos que temos e que podem ou não ser correspondidos”. Este mural localizado em Porto Carvoeiro (Canedo),

nas margens do Rio Douro, mostra a omnipresença do Rio na comunidade local e nos seus sonhos e pensamentos.

Rua Rio Douro – Porto Carvoeiro

N 41.04958, W -8.44469