Bordo


Nome científico

Acer pseudoplatanus L.

 

Nome comum

Bordo, Falso-plátano, Padreiro, Plátano-bastardo

 

Família

Sapindaceae

 

Descritor

L. [Carl Linnaeus (1707–1778)]

 

Tipo de origem

Autóctone

 

Origem

Noroeste da Europa até ao centro e sul da Itália e oeste da Ásia

 

Descrição da espécie

O Acer pseudoplatanus é uma árvore caducifólia de médio porte, de copa ampla, que pode atingir 35 m de altura. Apresenta um tronco revestido por casca cinzenta e lisa nas árvores jovens, adquirindo com a idade uma cor rosa-acinzentada, fissurando-se em placas retangulares irregulares, expondo manchas alaranjadas ao soltarem-se. As folhas, de 10 a 15 cm de comprimento, são simples, palmadas, com 5 profundos lóbulos ovados, de margem desigualmente dentada, dispostas de forma oposta nos ramos, de cor verde-escura na página superior, ligeiramente mais pálidas na página inferior e com pelos nos veios principais, tornando-se castanho-acobreadas no outono. Apresentam um longo pecíolo de cor avermelhada, que pode também ser verde em árvores mais antigas. A floração ocorre entre abril e maio, em simultâneo com as novas folhas, sendo a inflorescência um tirso ou um racimo pendente, composto por um grande número de pequenas flores de cor amarelo-esverdeada. O fruto é uma sâmara, inicialmente de cor verde manchada de vermelho e castanhas quando madura, que ocorre em pares (dissâmara), de 5 a 6 cm de comprimento, formando as suas asas um ângulo aproximadamente reto.

 

Observações

O restritivo específico pseudoplatanus, refere-se à semelhança entre as suas folhas e as do plátano. Na primavera, através de uma incisão quer no tronco quer nos ramos, obtém-se uma seiva açucarada que pode ser aproveitada para consumo humano.

 

Legenda: Bordo