Carvalho-escarlate


Nome científico

Quercus coccinea Muenchh.

 

Nome comum

Carvalho-escarlate

 

Família

Fagaceae

 

Descritor

Muenchh. [Otto von Münchhausen (1716–1774)]

 

Tipo de origem

Alóctone

 

Origem

Este e centro dos Estados Unidos da América

 

Descrição da espécie

O Quercus coccinea é uma árvore caducifólia de médio porte, de copa ampla e irregularmente piramidal, que pode atingir 25 m de altura. Apresenta um tronco revestido por casca cinzento-prateada, desenvolvendo, por vezes, fissuras pouco profundas, de cor alaranjada, em árvores maduras. As folhas, de 7,5 a 15 cm de comprimento e 5 a 12 cm de largura, são simples, oblongas a elípticas, de margem profundamente rasgada por 7 a 9 lóbulos dentados, os centrais mais longos que os restantes. Dispõem-se de forma alterna nos ramos, são de cor verde-escura, lustrosas, na página superior, mais claras e com pequenos tufos de pelos nas axilas das nervuras, na página inferior. No outono adquirem intensas tonalidades entre o escarlate e o vermelho-vivo, permanecendo, frequentemente, nas árvores mais jovens durante grande parte do inverno. A floração ocorre entre abril e maio, sendo a inflorescência masculina composta por grupos de amentilhos pendentes, de cor amarela. O fruto é uma glande, ou bolota, de formato globoso a ovoide, com 2 a 3 cm de comprimento, lustrosa e de cor castanho-avermelhada quando madura, raramente estriada, frequentemente com círculos concêntricos perto do ápice, encerrada numa cúpula, lustrosa, com cerca de metade do seu comprimento e 1 a 2 cm de diâmetro. De maturação bienal, os frutos ocorrem de forma solitária ou geminada, sobre um pedúnculo curto.

 

Observações

O Quercus coccinea é por vezes confundido com o Quercus palustris (carvalho-alfinete) dadas as semelhanças entre as duas espécies, particularmente nas folhas. Existem, no entanto, algumas diferenças que as permitem distinguir, nomeadamente o formato dos recortes entre os lóbulos, em forma de “C” no Q. coccinea e em forma de “V” no Q. palustris. Este último apresenta também tufos de pelos maiores, de 2 a 4 mm de largura e de cor castanha, nas axilas dos veios principais. O carvalho-escarlate é a árvore de Washington D. C., nos Estados Unidos da América.

 

Legenda: Carvalho-escarlate (folha e fruto)

 

Legenda: Carvalho-escarlate (primavera)