arqueologia industrial do papel

A principal colecção do Museu do Papel é constituída pelos edifícios que o integram, exemplos de arquitectura tradicional do fabrico de papel, de antigas unidades papeleiras do século XIX.

Além dos edifícios, merecem referência os artefactos e maquinaria destas antigas fábricas, e de outras fábricas de papel das principais regiões papeleiras portuguesas, utilizados na manufactura/fabrico do papel nos sécs. XVIII, XIX e XX, bem como espólio documental referente à História do Papel em Portugal.

     

                      Fábrica de Papel de Custódio Pais                                                                                        Fábrica dos Azevedos

 

O serviço de Gestão de Colecções assegura a correcta salvaguarda das colecções do museu, sendo responsável pela gestão, conservação, inventariação e estudo das peças, bem como pela gestão do Centro Documental do museu, o qual integra uma biblioteca temática sobre a História do Papel e um arquivo.